segunda-feira, 5 de setembro de 2011

É hora de clamar e proclamar por um país dependente de Deus

DEPENDÊNCIA OU MORTE


É preciso estar nas mãos de Deus e buscá-lo em todo o tempo, e com toda a intensidade viver na dependência de sua vontade. Esta é a forma revelada por Davi no salmo. “Os  meus dias estão nas tuas mãos...” (Sl 31.15).

No dia sete de setembro comemoramos a Independência
do Brasil. As margens do Rio Ipiranga foi proclamada a
independência de nosso país, no dia 7 de setembro de 1822.
Neste dia ficamos livres da monarquia portuguesa.

Quero comemorar o dia da independência do nosso país de
forma ousada, proclamando a liberdade de viver na
dependência de Deus.
A proclamação da independência diz respeito à liberdade.
A verdadeira liberdade esta em Jesus. “Se, pois, o Filho vos
libertar, verdadeiramente sereis livres” (Jo 8.36).
Não podemos dizer que somos livres sem reconhecer o
“senhorio de Jesus sobre nossas vidas”. A Palavra de Deus
revela que todos pecaram e estão longe de Deus (Rm 3.23), pois
o pecado faz esse distanciamento, assim sendo nos tornamos
escravos do pecado (Rm 6. 20).
Todo o escravo precisa de liberdade. No entanto, para
vivermos livres do pecado, precisamos depender de Deus. Sua
vida, minha vida, e a vida de tantos, precisam desejar
ardentemente, como criança, a orientação de Deus.
Deus fala em Espírito ao nosso espírito e nos fortalece
para a vida. “Quem é de Deus ouve as palavras de Deus; por
isso vós não as ouvis, porque não sois de Deus” (Jo 8.47). “É
preciso ser de Deus”.
Faz-se necessário ouvir a voz de Deus, receber a
orientação certa daquele que é o Rei dos reis. Para que isso
seja possível, é preciso se colocar debaixo de sua monarquia,
aceitando o reinado de Deus em Jesus sobre nossas vidas.
Dependência de Deus gera verdadeira liberdade e paz. A paz
de andar liberto, de viver como salvo dos pecados e de sua
conseqüência, que é a morte (Rm 6.23).
Jesus promete vida livre para aqueles e aquelas que
dependem dele, que andam em seus princípios e são
apaixonados pelo seu senhorio de paz sem fim.
Dependência de Deus ou morte pelo pecado. Uma decisão
a ser tomada.
Boa semana.

Pr. Alberto Inácio de Oliveira
Igreja Metodista Central
Santo Antônio da Platina

A MÚSICA QUE EDIFICA

Pesquisar este blog