terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Quando as tempestades são maiores que nossas forças...


Após um dia intenso de ensinamentos e palestras ao ar livre, Jesus, deliberadamente decide ir a outra margem do " Mar da Galiléia".


O texto nos afirma que, estando no meio do mar, uma tempestade anormal se levantou, levando todos a bordo ao desespero. Então, temendo pela suas próprias vidas, os discípulos decidiram despertar o Mestre que descansava na poupa da embarcação.


Sabemos que tudo aquilo que o Senhor faz, o faz com propósito claro e definido. E, nada daquilo que realiza é fruto do acaso acidental ou casual. No mesmo dia, Jesus, decidi conduzi-los da teoria à pratica. E, confronta-os com tempestades anormais, que ocorrem na existência da vida, extraindo as mais excelentes lições.

Para informação adicional, o Mar da Galiléia está situado ao norte de Israel, sendo um lago de água doce, chamado de "mar" pela imensa área que ocupa. Assim como nos tempos de Cristo, os ventos quentes oriundo das regiões deserticas ao sul de Israel, encontram-se com os ventos gelados vindos das regiões montanhosas ao norte do país, formando diariamente uma pequena tempestade no final de cada tarde.

Alguns discipulos, além de pertencerem aquela geografia, eram pescadores...


Portanto, homens habituados ao mar e as tempestades..


No entanto, ao se depararem com uma tempestade anormal, incomum e transcendente a que estavam acostumados... se desesperaram!

Existem tempestades que ocorrem no dia-dia que estamos acostumados, e as enfrentamos com naturalidade e disposição. Mas, há outras tempestades que se levantam, que são maiores que nossa capacidade de resolve-las.


Portanto, quando subitamente nos encontramos diante das tempestades agigantadas, só nos restam uma única alternativa:

" CLAMAR ÀQUELE QUE ESTÁ NA POUPA DO BARCO"

Na ação de clamar no meio das tempestades, ocorre o maior dos milagres:


Pois, dispo da minha arrogância jactante..


me deparo com minhas limitações, fraquezas e desesperos...


percebo a minha latente inabilidade diante do impossível...

Assim, me rendo ao seu poderio, revestindo-me da humildade sem falsas pretensas!


Reconheço que para Ele, todas as coisas são possíveis.


nasce em mim a certeza absoluta, de que basta um brado da sua potente voz, para que os ventos e o mar lhe obedeçam.


E, quando esses elementos, reconhecem a "voz do seu Criador"...


logo se submetem... produzindo a sincronicidade milagrosa..tanto para fora quanto para dentro de mim... tanto nas circunstancialidades como na minha interioridade!

Hoje, mano querido..quem sabe você está navegando em meio à grande tempestade? Por acaso ela é maior que suas forças? ou, seu barco está indo a pique?


Caso, sua resposta seja sim!.... Não perca mais tempo!


"Desperta o Senhor com o seu clamor..Ele te ouvirá e a tempestade cessará".


E, sob o mar da sua vida, uma bonança se fará!

Em Cristo


Carlos Herrera

http://cativosporcristo.blogspot.com/2010/12/quando-as-tempestades-sao-maiores-que.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A MÚSICA QUE EDIFICA

Pesquisar este blog